24 de ago de 2013

Polícia prende integrante de quadrilha de tráfico de pessoas





Ação de Inteligência Policial resulta em prisão de mulher envolvida no tráfico de pessoas e exploração sexual.

Após ação integrada entre as  Polícias Civis de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e do Pará, foi presa em Passo Fundo,  Claci de Fátima Morais da Silva, de 42 anos, foragida do estado do Pará.

Segundo as investigações, a mulher era responsável pelo recrutamento e acolhimento de mulheres em suas boates, localizadas nas cidades de Joaçaba, Herval do Oeste e Capinzal, em Santa Catarina. Após, o recrutamento elas eram repassadas a outro integrante da quadrilha, gaúcho, que fazia o transporte ao Pará, onde as vítimas eram exploradas sexualmente. No início do ano, em outra ação da polícia, foram libertadas 17 mulheres, além de um travesti e uma adolescente.

Claci, assim como os demais integrantes da quadrilha que estão presos, responderão por diversos crimes previstos no Código Penal Brasileiro. São eles:

Art.231-A, por tráfico de pessoas para exploração sexual;
Art. 218-B, por submeter, induzir ou atrair à prostituição ou outra forma de exploração sexual pessoa menor de 18 anos; 
Art. 228, por induzir ou atrair alguém à prostituição ou outra forma de exploração sexual;
Art. 229 por manter, por conta própria ou de terceiro, estabelecimento em que ocorra exploração sexual, visando lucro, ou por mediação direta do proprietário ou gerente, e
Art. 230, por tirar proveito da prostituição alheia, participando diretamente dos lucros ou fazendo-se sustentar, no todo ou em parte, por quem exerça a prática ilegal.

A presa foi apresentada na Delegacia de Pronto Atendimento de Passo Fundo para o registro dos procedimentos legais. Em seguida, a mulher foi encaminhada ao sistema prisional e já está sendo providenciada a sua transferência para o Pará. 


-----------------------------